Putin vs. Obama: quem é o bom?

O jornal católico tradicionalista norte-americano The Remnant lançou, este fim de semana, um vídeo onde enaltece a liderança pro-cristã de Vladimir Putin em contraste com laicismo da governação de Barak Obama. O vídeo intercala imagens do “religioso” Putin com repetições de uma curta gravação de Obama:

Não somos mais uma nação cristã…

(Barack Hussein Obama)

No final, o vídeo conclui com as seguintes frases:

Faz-nos pensar…

Quem são os maus?

(The Remnant TV)

Enfim, quando se vê um órgão de comunicação social com a qualidade editorial e a responsabilidade social que tem o The Remnant a enaltecer um antigo agente do KGB como modelo de liderança política, é inevitável que surja uma certa azia nos estômagos daqueles que ainda se lembram da perseguição que os católicos sofreram durante os anos negros da URSS.

Vladimir Putin, apesar de elogiar frequentemente a cultura cristã, não condena o comunismo, antes pelo contrário, e considera que o colapso da URSS foi uma enorme catástrofe. No entanto, é mesmo verdade que Obama, tal como a maioria dos líderes ocidentais, governa de forma hostil ao cristianismo.

O momento atual é bastante confuso e o futuro imediato é muito incerto.

 

Basto 8/2016

3 thoughts on “Putin vs. Obama: quem é o bom?

  1. Já várias vezes aqui afirmei, o mesmo que esse jornal Católico afirma.
    Putin já diversas vezes declarou que não é Comunista e que, actualmente, a Rússia é SOCIALISTA, embora sinta saudades, apenas, da extensão territorial da URSS e não do Comunismo!
    Para mim, isso não significa, que pretenda ser ele a governar o mundo! Se formos realistas, humanamente, mesmo reconhecendo que é somente um sonho, qual é o governante que não gostaria?! Pelo menos, di-lo, sem hipocrisias, mas defende o Nacionalismo, enquanto que os Globalistas têm esse mesmo sonho e estão a concretizá-lo, “AMORDAÇANDO” tudo e todos e ninguém, ou quase ninguém, contesta o engodo!!! “Como carneirinhos, vamos silenciosos… e CONTENTES, para o matadouro!”
    Convicto ou não, porque não julgo consciências, Putin DEFENDE e Colabora com a Igreja do seu Pais que, por acaso, é CRISTÃ!!!… Enquanto que os nossos, ninguém sabe de que lado estão! Vão à Missa e aprovam tudo que é ATEU!!
    E, agora, lembrei-me do Padre James Manjackal, com fama de Santidade e, por intercessão de quem, recebi uma ENORME CURA FÍSICA, num dos seus retiros.
    Numa das suas pregações, ele referiu uma das suas missões que é trabalhar em zonas muçulmanas, uma vez que é Indiano. Referiu então que , depois de ajudar os seus “pobres”, falou-lhes de Jesus e tentou propôr-lhes a CONVERSÃO ao Cristianismo. A Resposta foi rápida e clara: Para quê?! Se os Cristãos abandonam e não respeitam os pais e os velhos, matam os filhos antes de nascer, trocam de mulher a toda a hora e traem as esposas, as mulheres têm vários namorados…
    “… Tomai cuidado, e estai atentos e não sirvais vós de escândalo para os gentios. Já muitas vezes o Nome de Deus serviu de zombarias para eles, por causa das obras praticadas pelos filhos do Povo de Deus…” Jesus em o Evangelho como me foi Revelado.

    • Sim, o putinismo é um regime bastante admirado por alguns católicos conservadores desiludidos com as lideranças políticas ocidentais, o que é, em certa medida, compreensível. Outra característica comum a esses católicos é viverem normalmente muito longe da fronteira russa, o que também é bastante compreensível. Michael Matt, o editor do “The Remnant”, na minha opinião, faz parte desse grupo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s