A festa sueca dos católicos e luteranos

“Haverá uma celebração comum na catedral de Lund para comemorar o aniversário dos 500 anos da Reforma de 1517. São a Federação Luterana Mundial e a Igreja Católica quem convida para o evento, e o Papa Francisco será um dos presentes.”

[…]

Por que razão a Reforma é hoje importante?

“Começou a 31 de outubro de 1517, quando Martinho Lutero publicou as suas 95 teses que criticaram a Igreja e a teologia do seu tempo, ele queria renovação. Isso causou divisão, mas também mudanças na sociedade que ainda hoje podemos ver. Teve um impacto na Europa e no mundo.”

(Arcebispa Antje Jackelén, 25/01/201, na antevisão das comemorações luterano-católicas da revolta protestante)

E assim aconteceu a tal “celebração comum”, um momento memorável onde participaram, para além do Papa, vários sacerdotes e sacerdotisas, bispos e bispas e muita gente alegre.

novo crucifixo ecuménico.jpg

A festa de aniversário da revolta protestante iniciada há 500 anos pelo herege Martinho Lutero é celebrada em grande, passando por diversos locais de animação.

suecia1
Celebração conjunta da Igreja Católica e da Federação Luterana Mundial em 31/10/2016

 

suecia2
Celebração conjunta da Igreja Católica e da Federação Luterana Mundial em 31/10/2016

 

suecia3
Celebração conjunta da Igreja Católica e da Federação Luterana Mundial em 31/10/2016

 

As imagens da chegada do Papa Francisco ao estádio de futebol do Malmö, na Suécia, são impressionantes. Elas comprovam, mais uma vez, os elevados níveis de popularidade papal perante setores tradicionalmente hostis à Igreja Católica, como é caso dos luteranos que ainda hoje continuam a dar vida à revolta iniciada há 500 anos. A conclusão é óbvia: a mensagem do Papa agrada.

 

Ao fim de 500 anos, Martinho Lutero passa repentinamente de vilão a herói na história do cristianismo. Um herege excomungado pelo Papa Leão X é agora como que informalmente “beatificado” pelo Papa Francisco I. Exatamente o mesmo herege que se rebelou contra a Igreja, queimou santos e promoveu heresias que ainda hoje perduram. Precisamente aquele monge agostiniano rebelde que quebrou os seus votos para se casar com uma freira e liderar a revolta protestante…

Estamos realmente a viver um momento inédito e interessante na história do cristianismo.

 

Basto 11/2016

2 thoughts on “A festa sueca dos católicos e luteranos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s