Pe. Santiago Martín confessa dor pela confusão existente na Igreja

O fundador dos Franciscanos de Maria confessa publicamente dor pelo atual momento da Igreja, em particular pelo recente afastamento do teólogo americano Thomas Weinandy por ter este ter questionado o Santo Padre:

Aqueles que geram a confusão não lhes acontece nada, sendo inclusive recompensados, e aqueles que dizem que há confusão são castigados.

(Pe. Santiago Martín in Magnificat TV – tradução livre)

Basto 11/2017

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s