“Ódio é não dizer que o sexo gay conduz ao Inferno”

john-Henry Westen.jpg

Foi desta forma que o leigo John-Henry Westen, cofundador e editor-chefe do Life Site News, respondeu ao ativista LGBT Pe. James Martin SJ. A afirmação foi proferida no encontro “Uma Conferência de Famílias Católicas“, um evento paralelo realizado em Dublin em protesto contra a anunciada agenda gay presente no Encontro Mundial das Famílias 2018.

O esforço popular para “desconvidar” o homossexualista jesuíta do Encontro Mundial das Famílias 2018 não foi suficiente, portanto, James Martin foi uma das principais figuras de cartaz com direito ao púlpito a partir do qual fez a sua conhecida propaganda gay. Entre os seus chavões ideológicos mais utilizados, Martin costuma acusar a Igreja de “ódio” para com as pessoas LGBT por lhes dizer que a prática homossexual é um pecado grave.

Os novíssimos ensinamentos morais do Pe. Martin – apreciados pelo Santo Padre – são no sentido de impor à Igreja uma nova pastoral que passe pela aceitação das práticas sodomitas através de uma espécie de homossexualismo pastoral.

Basto 8/2018

3 thoughts on ““Ódio é não dizer que o sexo gay conduz ao Inferno”

  1. Só podem estar mesmo cegos!… Será que acreditam mesmo no que estão a dizer?!
    Claro, nem duvido que Jesus fosse o primeiro a acolher os gays, como fazia com todos os pecadores; mas para quê? Para lhes indicar o CAMINHO da SALVAÇÃO, aconselhando-os a MUDAR de vida! Até porque a felicidade de uns implica a de outros…
    Será que não vêem, ou não querem ver?!Até me custa a acreditar em tanta desfaçatez!!!
    Pela mesma lógica, nunca haveria necessidade de CORRECÇÃO em situação alguma e, assim, cada um aceitar-se-ia como é, e iríamos todos para o Céu, sem qualquer esforço: Jesus teria morrido em vão!
    Nasci pedófilo, posso ser pedófilo; nasci psicopata, posso matar, enganar, violar… não há problema, DEUS aceita-me como sou!…
    Confesso que, por vezes, chego a ter pena destas pessoas! Só lamento o mal que causam a quem os ouve!!!

    • É outra Fé, veja-se o exemplo que há pouco deu o padre Thomas Rosica:

      “modern-day Pharisees and their followers do not believe that salvation is conditioned on the work of Christ alone; instead, they believe that salvation is ultimately up to human efforts and what the sinner adds to Christ’s work!
      In contrast to the modern-day Pharisees and their followers, true Christians are those who boast in Christ crucified and no other, meaning that they believe that Christ’s work ensured the salvation of all whom He represented and is the only thing that makes the difference between salvation and condemnation. They know that their own efforts form absolutely no part of their acceptance before God. They rest in Christ alone as their only hope, knowing that it is the work of Christ by the grace of God that guarantees salvation.”
      http://saltandlighttv.org/blogfeed/getpost.php?id=84589
      https://twitter.com/FatherRosica/status/1034297782163496961

      Partindo daqui tudo é possível, pouco interessa o que fazemos.

      Outro exemplo:
      “Uma parte significativa da juventude de hoje tem esse desejo: o de compreender, quanto mais não seja em linhas máximas, a razões da sua fé, e isto não é negativo. Nesta indagação pela verdade, as dúvidas são uma constante e as perguntas farão parte do processo, e isto é muito positivo, como afirmou Ermes Ronchi num dos Exercícios à Cúria Romana, «e em vez de nos pormos imediatamente à procura de respostas, paremos para viver bem cada pergunta […]. Apreciar as perguntas, ser benevolente com elas: só por si são revelação».”
      https://familiacrista.paulus.pt/uma-juventude-perdida

      Que Igreja é esta que faz das perguntas sem resposta uma revelação? Não era suposto transmitirem a Fé?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s