Profanação da catedral do ultra-misericordista D. Christoph Schönborn, na Áustria

A Catedral de Santo Estêvão, em Viena, celebrou o Dia Mundial de Luta contra a SIDA com um concerto de rock de coreografias satânicas e homossexualistas.

vienna8.jpg
In xFEED, 04/12/2018.

A Arquidiocese de Viena é administrada pelo cardeal D. Christoph Schönborn, um dos mais fervorosos adeptos do misericordismo bergogliano e, com efeito, o homem escolhido pelo Papa Francisco para apresentar oficialmente a Alegria do Amor. Schönborn é mundialmente conhecido pelas suas posições pró-homossexualismo, pró-recasamento civil de divorciados, pró-abertura da Sagrada Comunhão a adúlteros e pró-várias taras anti-católicas.

vienna3.jpg
In xFEED, 04/12/2018.

Esta não é a primeira vez que o arcebispo de Viena autoriza a profanação da sua catedral. Há poucas semanas, por exemplo, permitiu que o templo se transformasse em algo parecido a uma discoteca e, no ano passado, deixou o travesti Conchita Wurst pregar a partir do ambão da sua catedral, durante um evento LGBT no qual também participou.

Basto 12/2018

10 thoughts on “Profanação da catedral do ultra-misericordista D. Christoph Schönborn, na Áustria

  1. Maria Ribeiro 5 de Dezembro de 2018 / 12:21

    Ele aprecia muito estas “festas”, em jeito meio satânico. Tal como travestis de barba, bigode e lábios pintados, tipo Conchitas, meio homens meio mulheres.
    Quando olho para estes clérigos, acabo por fazer algum juízo, automática e inadvertidamente, pensando se não serão os “tais infiltrados”.
    Sinceramente, esta gente não terá alguma espécie de perturbação mental?!
    E de imediato me vem à mente o que diz o Pe Paulo Ricardo: “Deus ama essa pessoa”.
    Perante semelhante espectáculo, fica-se estarrecido e esmagado, também me vem à memória a frase: “Não ofendam mais a Nosso Senhor que já está muito ofendido”.
    Tantas pessoas a caminhar para o abismo e não se dão conta! Como o Inimigo lhes turvou a mente!!!
    Eles não conseguem fazer mal a Deus, mas fazem-no a eles próprios e a todos os baptizados, tanto aos que aceitam, como aos que, ainda se escandalizam.
    Cada vez mais precisamos do Dom da Fortaleza e do Entendimento para conservar, ainda a sanidade mental e, sobretudo espiritual.

  2. Geraldo 5 de Dezembro de 2018 / 21:11

    Falta-lhes pouco para dizerem ser infiltrados da maçonaria – se já não os são; pelos comportamentos, sim!

  3. maria martins 5 de Dezembro de 2018 / 22:53

    Se me contassem, nem acreditava!

  4. Basto 6 de Dezembro de 2018 / 11:20

    Homo-ativista afirma que o Cardeal Schönborn abençoou o seu relacionamento homossexual com o seu namorado.

    • Basto 8 de Dezembro de 2018 / 21:57

      Se há coisa que não falta hoje são falsas religiões. Essa será certamente mais uma.

  5. JOÃO ANDRÉ 4 de Dezembro de 2019 / 18:01

    Esse vaticano é uma Vergonha.bando de pedofilos e hipócritas

  6. Joao Andre 4 de Dezembro de 2019 / 18:03

    Voces nao representam os Cristãos e nem Servem a CRISTO. SALVO ALGUMAS EXCEÇÕES.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s