Cardeal Pell condenado por abuso sexual de rapazes menores de idade

O cardeal australiano D. George Pell, ex-membro do restrito grupo de colaboradores do Papa Francisco para a reforma da cúria, foi condenado por abuso de menores do sexo masculino.

Basto 02/2019

5 thoughts on “Cardeal Pell condenado por abuso sexual de rapazes menores de idade

  1. Por muito revoltada que fique com tudo aquilo que provocou este triste espectáculo, não deixo de ter Compaixão deste pobre Cardeal, não só pelo que representa, mas também, porque não deixa de ser um Ser Humano, completamente, aniquilado.
    Uma Vitória que sabe a derrota!…
    Rezemos por ele e por todos os que estão na mesma onda.

  2. Confiram varios posts no – https://fratresinunum.com/tag/cardeal-george-pell/ que ele teve tempos atrás varias discordancias com o papa Francisco e até teria dito que ele seria o 38º papa falso, algo pois e muito mais, daí a midia globalista especialista em montagem de falsos dossiês, o teria por tais triturado!
    Leiam apenas esse trechinho para se ter ideia e, quanto aos conservadores, vs sabem:
    … Ontem Thompson deu nome ao verdadeiro motivo da detonação da nomeação do Cardeal Pell: “Ele é vítima de uma campanha de difamação por parte de vários bispos, especialmente, italianos.”

    Os bispos desenterraram antigos – e há muito refutados – casos de abuso, difamação, para inviabilizar o cardeal.

    As acusações foram levantadas durante o tempo que atuou como Arcebispo de Melbourne, nos anos 90, por um criminoso condenado anteriormente mais de trinta vezes.

    O então arcebispo negou as acusações veementemente, suspendeu suas funções imediatamente e instruiu uma comissão independente para examinar as alegações.

    Estes acabaram por ser rejeitadas como “totalmente infundadas”.

  3. Estamos mesmo no olho do furacão!
    Quanto mais leio, menos entendo, porque tudo é MAU DEMAIS, para ser verdade! Agora, sou eu que pergunto: “QUO VADIS”, minha Igreja?!
    Se há uma campanha para destruir o Cardeal, o que não me surpreenderia nada, dado os argumentos apresentados… Que Deus lhe dê força para aguentar a provação!

    Rezemos por ele!

  4. Li, ontem, em roda pé, num dos noticiários da nossa T.V. , que um dos “dois” jovens, ditos abusados pelo Cardeal Pell, se tinha suicidado, porque se tinha metido na droga, como consequência do tal abuso; notícia TRANSMITIDA pelo Vaticano.
    Claro que, depois de toda a polémica que envolve o problema, fiquei com “a pulga na orelha”!
    Então, perante MILHARES de casos, tão escandalosos, porque escabrosos, O VATICANO que, sempre, evitou confirmar pormenores, agora, é tão pronto a concluir que o jovem se meteu na droga como consequência dos abusos?
    Tentei aprofundar a VERDADE dos factos e há, realmente, muita CONFUSÃO: porque aparecem, somente, estes dois jovens?
    O que morreu, segundo a investigação, nunca denunciou nada, nem aos pais! Morto, não poderá falar…é o amigo que fala por ele!…Depois, esse mesmo amigo que se diz abusado, nem no tribunal compareceu: não dá a cara e mandou alguém depor por ele!…
    E mais, só dois casos?! Não que eu queira que tivesse havido mais, mas, normalmente…. um PEDÓFILO sofre de um distúrbio que o leva a repetir muitas vezes mais!
    Segundo a acusação, os abusos foram efectuados na Sacristia, um espaço amplo, onde, facilmente, diz a defesa, seriam detectados, pois, há sempre gente a entrar e a sair!
    E, agora, porque permitiu o Papa Francisco, que protegeu sempre os outros, e ainda hoje acusa o VIGANO de demónio acusador, que o Cardeal Pell fosse para a Austrália defender-se quando, uma vez no Vaticano, nunca poderia ser extraditado e muito menos preso, porque não existe nenhuma Convenção entre os dois Países, para tal?
    Há, também, um vídeo feito por um sacerdote, que afirma conhecer muito bem o Cardeal Pell; e, segundo ele, acredita na sua inocência e acha que, NESTE CASO, é um mártir, deixando, porém, a última palavra para Deus!
    Pessoalmente, não tenho opinião. Estou como este senhor padre: o último a julgar é Deus! Contudo, é bom que façamos uma análise isenta, e se investigue os dois lados com o mesmo peso e a mesma medida!

    Que o Cardeal Pell é dado como CONSERVADOR e ” persona non grata” no Vaticano, lá isso é!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s