Profecia de São Francisco sobre um futuro falso papa que destruirá a Igreja

Saint Francis of Assisi in Ecstasy
São Francisco de Assis em Êxtase – Antoon van Dyck (1627-1632); in banco de imagens do Museu do Prado.

A predição de “grandes cismas e tribulações na Igreja” é a 13ª profecia do capítulo “Algumas profecias de São Francisco” de um livro, com imprimatur do sec. XVIII, intitulado “Obras do Seráfico Pai São Francisco de Assis”. São Francisco terá revelado esta profecia aos membros da sua Ordem pouco tempo antes de morrer, portanto no primeiro quartel no séc. XIII.

O Santo profetiza grandes cismas e tribulações na Igreja

Pouco tempo antes da morte do santo Pai, ele reuniu os seus Filhos e alertou-os sobre as tribulações que haveriam de vir:

Meus Irmãos, ajam com bravura; tenham coragem e confiem no Senhor. Aproxima-se rapidamente o tempo em que haverão grandes provas e aflições, abundarão as perplexidades e discórdias, tanto espirituais como temporais, a caridade de muitos esfriará e a maldade dos ímpios aumentará.

Os demónios terão um poder invulgar. A pureza imaculada da nossa Ordem, assim como a de outras, estará tão obscurecida que haverá pouquíssimos cristãos a obedecer ao verdadeiro Soberano Pontífice e à Igreja Romana com corações leais e caridade perfeita. Nos tempos dessa tribulação, um homem não canonicamente eleito será elevado ao Pontificado, que, com sua astúcia, empenhar-se-á em levar muitos ao erro e à morte.

Então os escândalos multiplicar-se-ão, a nossa Ordem será dividida e muitas outras serão completamente destruídas porque tolerarão o erro em vez de o combater.

Haverá tal diversidade de opiniões e cismas entre o povo, os religiosos e o clero, que, se aqueles dias não fossem abreviados, segundo as palavras do Evangelho, até os eleitos seriam levados ao erro, não fossem eles guiados, no meio de tão grande confusão, pela imensa misericórdia de Deus.

Então a nossa Regra e o nosso modo de vida serão violentamente combatidos por alguns e, sobre nós, cairão provas terríveis. Os que permanecerem fiéis receberão a coroa da vida, mas ai daqueles que, confiando apenas na sua Ordem, caírem na tibieza, pois esses não serão capazes de suportar as tentações permitidas como provação para os eleitos. Os que conservarem o seu fervor e mantiverem a sua virtude com amor e zelo pela verdade sofrerão injúrias e perseguições como se fossem rebeldes e cismáticos, uma vez que os seus perseguidores, instigados por espíritos malignos, dirão que prestam um grande serviço a Deus eliminando aqueles homens nocivos da face da Terra. Mas o Senhor será o refúgio dos aflitos e salvará todos os que em Ele confiam. E a fim de serem como o seu Mestre, estes, os eleitos, atuarão com confiança e, com a sua morte, obterão a vida eterna. Escolhendo obedecer a Deus em vez de obedecer aos homens, eles não terão medo de nada e preferirão morrer do que aprovar a falsidade e a traição.

Alguns pregadores manterão silêncio sobre a verdade, enquanto outros irão pisoteá-la e negá-la. A santidade de vida será desprezada até pelos que exteriormente a professam, pois, nesses dias, Nosso Senhor Jesus Cristo enviar-lhes-á não um pastor verdadeiro mas um destruidor.

(Works of the Seraphic Father St. Francis Of Assisi, Washbourne, London, 1882, pp. 248-250, Imprimatur of the Bishop of Birmingham, William Bernard – tradução livre)

Fonte: saintsbooks.net (página acedida em 04/03/2019)
Tradução: odogmadafe.wordpress.com

A esta distância temporal torna-se, obviamente, difícil provar ou negar a autenticidade desta profecia, no entanto, o seu conteúdo acaba por ser um forte motivo de reflexão e oração, atendendo à conjuntura por que atravessa a Igreja Católica atualmente.

Basto 03/2019

13 thoughts on “Profecia de São Francisco sobre um futuro falso papa que destruirá a Igreja

  1. Muito enigmática essa profecia! Não quero dizer com isso que ela seja falsa. Mas, se não me engano, ela não consta dos primeiros escritos franciscanos, como os Fioretti. Pode ser que ele tenha sido feita por um místico anônimo que a colocou entre os escritos de São Francisco. De qualquer forma, descreve de maneira muito impressionante algumas provações que estamos passando nos dias de hoje.

    Interessante notar que muitas profecias antigas sobre o final dos tempos têm saído do esquecimento e vindo ao conhecimento do público. Não seria isso também um sinal dos tempos?

    Um tempo atrás eu li uma profecia de São Columbano (acho que é São Columbano, não tenho certeza) e que descrevia também de forma impressionante os problemas dos tempos atuais.

    • Oi, Carlos! Obrigado pelo seu apoio ao meu comentário/ponto de vista! Eu já pensei em ser religioso, por isso tenho algum conhecimento em assuntos relativos à vida religiosa, mas devo confessar com humildade que é pouco em relação à riqueza da vida religiosa. Com humildade também, confesso que não tenho vocação à vida religiosa, mas amo muito a Deus.

      Agradeço ao Basto por ter respondido em minha ausência. Acesso diariamente o blog, mas às vezes deixo passar despercebido algum comentário. Me desculpe se pareci indiferente.

  2. Confirmando: a profecia que eu estava tentando lembrar é de São Columbano mesmo (St. Columba em inglês). Ver St Columb prophecy of end times… E também “St. Columba’s Prophecy on 3 Days of Darkness (Last Days)”.

  3. Mas, ainda, haverá mais “esqueletos” para mostrar?
    Eu penso que pior do que a pedofilia, homossexualidade e tudo que elas comportam não deve existir!
    Depois, através da Internet, para o bem e para o mal, temos acesso a “aberrações”, nunca antes imagináveis: padres em plena Celebração, profanando os paramentos, fazendo “strip tease”, ao som das palmas dos presentes, com crianças à mistura, dando a Bênção de qualquer maneira, concertos rock, dentro das igrejas, Missas nas piscinas e praias, vestidos em fatos de banho… e sem qualquer respeito!… Fotografias ao lado de maçons “fardados”, em pleno Altar…Que mais nos pode acontecer?!
    Isto é a CHACOTA COMPLETA da nossa Igreja e daquilo que Ela tem de mais Sagrado!
    Quando o Papa Francisco refere que a Igreja não tem medo do Seu passado, acredito que está a dizer a verdade, pois, agora, é que estamos a viver a DEPRAVAÇÃO TOTAL, por aquilo a que temos tido acesso, sem que ele se preocupe…

    Se ainda há mais a revelar… que Deus tenha MISERICÓRDIA e nos poupe o mais possível, para que não desanimemos.
    Sigamos o conselho de S. Francisco!

  4. Precisamos formar comunidades pois creio que já estamos vivendo esse tempos . É vivermos i que nossa senhora nos pede em suas aparições vida sacramental em dia .que não nos aparte mostrar da palavra de Deus e do santo Rosário .que busquemos sempre estarmos em estado de graça

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s