A nova Igreja Amoris Laetitia: adultério como fonte de graça e caminho de santificação pessoal

Sabemos agora que a Paróquia de Santa Isabel, no Patriarcado de Lisboa, pôs em prática a nova doutrina do Papa Francisco sobre o Matrimónio anteriormente à publicação da controversa exortação apostólica Amoris Laetitia. A informação é da agência de notícias da Conferência Episcopal Portuguesa.

Conceitos-chave: nova união fora do Sacramento do Matrimónio, nova Igreja, Igreja inteligente, Igreja […] a mudar… E ainda, como não podia deixar de ser, discernimento, [nova] misericórdia e Papa Francisco.

Jesus disse: «Quem se divorciar da sua mulher e casar com outra, comete adultério contra a primeira. E se a mulher se divorciar do seu marido e casar com outro, comete adultério.» (Mc 10, 11-12)

Basto 04/2019

7 thoughts on “A nova Igreja Amoris Laetitia: adultério como fonte de graça e caminho de santificação pessoal

  1. E como o demónio, se arma em Anjo de Luz!

    A senhora, em questão, era muito CATÓLICA, muito Crente, muito Fiel, de Comunhão diária… mas, perante o 1º percalço, e o que é normalíssimo, entra em sofrimento. Contudo, procurou a CURA, aonde? Junto de alguém que a acolheu, e MUITO BEM; porque, até aqui, ela não estava em situação IRREGULAR! Apenas ficou, depois de consumada a SEGUNDA UNIÃO, considerada em ADULTÉRIO, para Jesus e para a IGREJA VERDADEIRA!
    Logo, que Católica era essa Senhora, que desiste à primeira, e busca a “sua vontade” e não a VONTADE DE DEUS? Onde entra a CRUZ, e a Palavra de Jesus que nos diz, que no mundo teremos muitas tribulações, mas que ELE VENCEU o mundo? Assim, é muito fácil dizer-se Cristão… desde que, a LEI se mude, conforme os meus apetites… e se ULTRAPASSE o MESTRE!
    Quanto ao senhor que achava que a maioria dos Católicos era só de tradição, até não se engana; mas, agora, depois de viver uma religião, à sua medida, nem de TRADIÇÃO é; é uma COISA inventada pelos falsos misericordiosos, que não têm pejo de TRAIR Jesus e a SUA PALAVRA, inventando uma igreja LIGHT, muito DIFERENTE d/Aquela que Jesus nos prometeu:.. “não seja o discípulo maior do que o Mestre…” ; o sofrimento e as tribulações fazem parte do processo de CONVERSÃO e de IMOLAÇÃO, em favor de um BEM MAIOR !
    A EUCARISTIA é FORÇA , para aqueles que QUEREM SER FIÉIS A JESUS ATÉ AO FIM; não é um mero ritual de faz de conta, para me satisfazer o Ego e, no primeiro momento em que sou posto à PROVA, subverto TUDO, e adapto – A aos meus interesses! ISSO É DIABÓLICO!

  2. E mais, REPAREM nos “casos de sucesso” que esse senhores apresentam! Sempre, aqueles que derivam de um processo adulterado… porque conheço MUITAS mães que, por FIDELIDADE a DEUS , aos filhos e, logicamente, à VERDADEIRA FAMÍLIA, passando, muitas vezes, por situações de tremendo sofrimento, mas que, em Deus, e porque ACREDITARAM, VENCERAM. Hoje, AGRADECEM os filhos que têm,e o respeito que eles lhes dedicam.. . Ao contrário de alguns jovens, e isto é verdade, já se insurgiram contra os pais pela leviandade de os obrigarem a conviver com novas relações parentais…. desabafando: lá terá que ser…
    Actualmente, os BONS EXEMPLOS são os que acima nos são apresentados!

  3. Confesso que já me revolta ver, tão mal aplicado e distorcido, o “Discernimento”, o dom do Entendimento, que nos “aprimora” a Alma, no sentido de adquirir, gradualmente a capacidade de compreender situações, de separar o certo do errado, de avaliar as coisas com bom senso e clareza…SEMPRE à Luz do Evangelho!!
    Curiosamente, são no entanto, qualidades, completamente ausentes destas pessoas. Há nelas uma “confusão diabólica”, na medida em que se julgam, no direito de interpretar a Lei de Deus, como lhes convém.
    Fazem lembrar Diego Néria Lejárraga, citado neste Blog que, já tirou as suas próprias conclusões: “o erro é de Deus”.
    Conclusão, uma “igrejola”, com grupos dissidentes , à medida destas “alminhas”, está em construção há imenso tempo. A cegueira abrange uma área bem maior do que imaginávamos…
    Lamentavelmente não querem ver e, actualmente, ficaram em “paz”. Uma paz podre mas é “paz”.
    Reparem que tudo isto tem “uma máscara” de Bem, uma mescla de “grande bondade”, que nos deixa estarrecidos e impotentes…Como esclarecer este “casal”, que sim que sejam felizes que se ajudem mutuamente, mas que vivam como irmãos?! Isto já atingiu proporções tão elevadas de cegueira espiritual que só Deus pode resolver…

  4. Vi esta manhã, no programa do Goucha,um padre que foi falar sobre Jesus. E deu conta que era um padre desviado, um modernista, um fã de Francisco. Não esperava outra coisa, Goucha que é ateu, pelo o seu olhar me dá a impressão de odiar o cristianismo, não poderia convidar um boa padre, mas um mau. Para levar cada vez mais as pessoas perderem a fé. Pesquisei na net sobre o padre, e está aqui alguma ideias dele.
    https://expresso.pt/sociedade/2017-04-16-Padre-Anselmo-Borges-E-evidente-que-Nossa-Senhoranao-apareceu-em-Fatima

  5. Em primeiro lugar, não foram os Artigos deste senhor padre que geraram a confusão ao Bispo D. Manuel Linda, relativamente, ao Mistério da Encarnação, porque o confundiram com ele?

    Depois de consultar o link, acima exposto, nada do que este senhor diz me espanta, pois, já, o ouvi, muitas vezes, em debates no “Porto Canal”.
    É um fã do Papa Francisco, tal como outros … sendo um deles o Frei Bento Domingues de quem também já ouvi o mesmo: sem dizer nomes, apelidou de obscurantista a época de S.João Paulo II e Bento XVI e de nova Primavera, onde a luz voltou, a do Papa Francisco…
    O Pe. Anselmo torna-se “perigoso” porque fala de uma maneira que agrada à maioria ; ele compara o Papa Francisco a Jesus Cristo, mas esquecendo-se de que Jesus Cristo nunca alterou nada que estava na Lei, apenas, A aperfeiçoou sem Lhe mudar a ESSÊNCIA, e era Deus! (não fosse Ele a Palavra) Nunca entrou em contradição e, por isso, nos aconselhou a que a nossa linguagem fosse: SIM, SIM; NÃO, NÃO! Ao contrário de Francisco, que relativiza tudo e diz que nem sempre é branco nem sempre é preto, chegando a subverter a VERDADE, com a capa de falsa Misericórdia, não EXIGINDO MUDANÇA! Acolher para ajudar a corrigir é bem diferente de persistir no erro.
    Jesus nunca foi político e disse, até, que déssemos a Deus o que é de Deus e a César o que é de César! Ele queria a REVOLUÇÃO dos corações para que, naturalmente, com Ele, os Seus fossem mudando o mundo, dando Exemplo e, com a Sua Graça, através dos Sinais do Reino, que seriam os Milagres e as Curas, CONVERTESSEM A TODOS!
    Nunca, Jesus, Se CURVOU perante os “reis” da Terra! E muito menos, lhes foi subserviente! Proclamou a VERDADE e não Lhe mudou uma única vírgula, legado que deixou aos Seus … coisa que não vemos o Papa Francisco fazer: ele “humilha-se” e distorce a VERDADE , afirmando que “todas as Religiões são verdadeiras, que o seu Deus não é Católico, e muito mais!
    E quanto à sexualidade do Clero, sempre ouvi dizer que o Celibato foi um processo gradual, oferecido por Amor ao Reino de Deus, baseado na Passagem do Jovem Rico: “…uma coisa ainda te falta; queres ser Perfeito? Vende tudo, dá-o aos pobres, vem, e segue-Me!…
    Se têm vida dupla é como Nossa Senhora afirma: DEIXARAM a Oração e tornaram-se “cloacas” de impureza! (mas isto não conta para esse senhor, uma vez que não acredita, em Aparições)
    Este Senhor padre pode ter razão em algumas coisas que denuncia, mas tudo isso é consequência da FALTA DE ORAÇÃO E VIVÊNCIA ESPIRITUAL!
    Se o Clero se convencesse de que DEVERIAM SER OUTRO “JESUS”, NA TERRA, viveriam como Ele, acabando por fazer as Suas Obras e outras ainda maiores, não foi isso que Jesus, o Mestre, lhes prometeu?!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s