Frases que nos fazem pensar: Dalai-lama

“Já vivi certamente diversas vidas anteriores como mulher.”m.dalai_lama

(Tenzin Gyatso, 14º Dalai-lama, líder espiritual do budismo tibetano)

Contexto da frase:

Declaração de Tenzin Gyatso durante uma entrevista ao jornalista português Ricardo Saavedra, que faz parte da obra biográfica “Peregrino da Liberdade – Dalai-lama XIV”; in Diário de Notícias, 25/03/2019.

Em 2001, Tenzin Gyatso foi recebido solenemente em Fátima pelo então bispo de Leiria-Fátima D. Serafim Ferreira da Silva, com quem orou na Capelinha das Aparições, onde foi tratado por “Sua Santidade”.

Basto 07/2019

7 thoughts on “Frases que nos fazem pensar: Dalai-lama

  1. Uma frase muito suspeita, realmente.
    Fez boa opção, não há dúvida, porque é melhor ter sido mulher do que burro…várias vezes…

    Os católicos andam há muito tempo cheios de salamaleques e simpatias afectadas com tudo o que é paganismo. Qual será a intenção?!

    Já ninguém respeita a nossa Fé. Mas o respeito ou a falta dele também não me afecta. O motivo da minha real angústia é perceber quantos católicos se afastam e se perdem, com esta “abertura” e falso acolhimento.
    É por isso que, em Fátima as lojas estão carregadas de budas nas montras.
    Já falei em algumas: “Nas casas onde houver esse ´bicho´ ali, reservo-me o direito de não entrar”
    Se tenho alguma compra a efectuar, faço-a noutro espaço. Protesto, puro e simples.

  2. Lembro-me perfeitamente, da vinda do DALAI-LAMA, a Portugal, da sua passagem por Fátima e, também, de ter ficado intrigada, com essa Expressão de Sua Santidade, ao ponto de ter comentado com uma amiga a exposição do seu livro, cujo nome não me recordo, (ou será, que é mesmo, Sua Santidade Dalai-lama?….) em DESTAQUE, numa livraria expressamente CATÓLICA!
    Não que tenha nada contra o senhor, em questão, pois cada um acredita naquilo que quiser… Mas, neste contexto, acho ser uma TRAIÇÃO a Jesus Cristo e à Sua PALAVRA, receber com todas as honras e como santo, alguém que crê, prega e defende a REENCARNAÇÃO e, por isso, crê no Espiritismo!
    E, aqui, voltamos à GRANDE CONFUSÃO, pois, infelizmente, há muitos DITOS Cristãos, que se revêem, nesta filosofia e acreditam nela, baralhando tudo! Ora, com o aval PÚBLICO da NOSSA IGREJA, ainda ficam mais CONFUSOS e não precisam de buscar a VERDADE!

    — O que faria Jesus, nestas circunstâncias?!

    E desculpem-me lá, mais uma vez, citar de novo — Maria Valtorta—

    …” Quando surgirem entre vós falsos profetas que dirão entre vós suas ideias, como se fossem inspiradas, combatei-os “com meios mais firmes” do que com simples palavras, e não vos preocupeis, porque o Espírito Santo vos guiará..
    Perguntaram-Lhe, então, os Apóstolos: E o que faremos aos hereges?
    Jesus responde:- “Combatei a heresia com toda a força e usai, para isso, todos os meios mais eficazes, mas tentai converter os hereges, ao Senhor!
    Não vos canseis de procurar as ovelhas de fora do redil… rezai, fazei penitência pedi esmola e sacrifícios aos puros, aos bons, a fim de que esses irmãos transviados se convertam. REPARAI! Nenhum Cristão será excluído da Paixão de Cristo…Eu não vos exclui desta grande obra, que é a Redenção….

    Depois de ler e reler esta Obra, ACREDITO que nela se encontram, de forma simples e directa, as respostas para tudo o que estamos a passar na nossa Igreja. Só é pena, que estes enxertos sejam apenas enxertos, porque o discurso de Jesus é muito mais desenvolvido e pormenorizado.
    Na verdade, em nada contraria o que já conhecíamos, mas que nos ajuda muito ajuda, porque vai para além da Mensagem.

    E, agora, uma pergunta: — Em que tipo de mestres podemos incluir o Dalai-lama? ~
    Um herege bem intencionado? Disso, não duvido; mas duvido, da postura dos nossos PASTORES!…

  3. Bom Dia, Basto, era minha intenção colocar no chat esta informação mas, devido às características dos utentes, concluí que seria mais prudente usar o comentário.

    https://www.lifesitenews.com/news/benedictine-monk-calls-amazon-synod-working-doc-biodegradable-christianity-in-searing-new-critique

    “Cristianismo biodegradável”
    Esta expressão advertiu-me a prestar atenção, focando-me um pouco mais no Sínodo da Amazónia.

    Dom Giulio Meiattini, um monge da abadia de Madonna della Scala na província italiana de Bari, classifica o Instrumentum laboris para o Sínodo dos Bispos sobre a Amazônia, de “cristianismo biodegradável”.
    Ele diz também que “A pessoa de Cristo e Seu Evangelho desaparecem; Eles são literalmente devorados pela exuberante floresta tropical “de reflexões repetitivas sobre ecologia e sociologia”
    Elogiando a recente crítica do cardeal alemão Walter Brandmüller, ao documento de trabalho, Dom Meiattini disse que “é difícil culpá-lo” pelo facto de o qualificar de “herético”. Mas, acrescenta, “mais do que heresia, devemos falar de apostasia. “
    O Instrumentum laboris “não é um documento cristão”, insiste o teólogo beneditino. “Que isto seja claramente indicado: algumas citações bíblicas inseridas, como o título de vários parágrafos, ou o uso de palavras como ‘Igreja’, ‘conversão’ e ‘pastoral’, não são suficientes para garantir o caráter evangélico de um texto.”
    Ele argumenta ainda que não devemos subestimar a CONEXÃO clara existente, entre “esta regressão infantil”, com “ideologia homo e trans”, que é fundada na ideia de ‘autodeterminação espontânea’, juntamente com uma rejeição da razão.

    Quanto a mim, estou convicta de que o “sucesso” deste Sínodo infeliz será inversamente proporcional à contestação de católicos e clérigos autênticos. Basta ler o hino para intuir o contexto e concordar com estes teólogos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s