Intolerância religiosa de extremistas LGBT em Belo Horizonte

Um grupo de homossexualistas radicais, militantes do movimento extremista LGBT, tentou realizar uma paródia de insulto à fé cristã na cidade de Belo Horizonte, Brasil. O evento em causa, que fazia parte da programação da “Virada Cultural BH 2019“, pretendia coroar “Nossa Senhora das Travestis”, ridicularizando a devoção católica à Mãe de Deus com as taras sexuais ligadas à cultura gay.

travFelizmente, após a indignação dos católicos, o evento acabara por ser cancelado por ordem das autoridades municipais, dando lugar à oração de um terço de desagravo a Nossa Senhora de Fátima.

Ainda há católicos em Belo Horizonte!

Basto 07/2019

10 thoughts on “Intolerância religiosa de extremistas LGBT em Belo Horizonte

    • Ah! Então os “travecos tarados” já haviam realizado algo semelhante?!! Classificar de ridículo é muito pouco… Todos no “hospício”, mesmo assim é insuficiente… Compaixão seria o sentimento mais nobre…por esta gente tresloucada…Nem sempre consigo…

      Bom, Pelos vistos, em 2019 “o tiro sai pela culatra”…

      “Por fim o Meu Imaculado Coração Triunfará”!! Em Belo Horizonte, Graças a Deus, triunfou.
      Aqui a cabeça da serpente ficou bem esmagada…Porém “uma das cabeças da besta que foi atingida de morte”, pode ressurgir.

      Pena que em Roma, não aconteceu o mesmo, aquando do “quadro da anunciação” forjado. Bem sei que o impacto de uma pessoa LGBT a ser coroada, difere bastante. O quadro é mais “discreto”.

      Uma blasfêmia deste calibre, creio que nunca foi proposta, em Portugal. Mas duvido que os católicos tomassem medidas tão drásticas, como em Belo Horizonte?!
      Preparemo-nos para lutas desta envergadura…porque pode acontecer…Deus queira que não. Espero que o “sensus fidei” dos portugueses seja poderoso e arrase com o “demónio”!!

      “Há uma casta de demónios que só com muita oração e jejum se conseguem expurgar”.

  1. Belo Horizonte é a capital de Minas Gerais. Nos tempos do Brasil colônia era Ouro Preto, mas, depois, não me lembro os motivos, a capital se tornou BH.

    Belo Horizonte é uma cidade de contrastes, onde há uma presença forte das esquerdas, mas também é uma cidade marcada pela religiosidade forte do povo mineiro. Na capital mineira, existem, por exemplo, muitas Congregações religiosas e faculdades religiosas.

    Não moro em BH, mas de uns anos para cá a nova direita brasileira se organizou bastante na cidade. Acredito que isso possa ser um fator que deu apoio aos católicos belorizontinos a reagirem a esse evento ofensivo.

  2. APESAR DESSA ARQUIDIOCESE SER SOCIALISTA, ABAIXO, repudiou o diabólico evento de comunistas, representando a Arquidiocese, como disse ele mesmo, D Joaquim Mol, em nome dos varios bispos reunidos em torno de D Walmor O Azevedo em apenas 4,53′ e aquele também envolvido com “movimentos sociais” das esquerdas globalistas no Vaticano convocado, segundo ele, pelo proprio Francisco atualmente bem envolvido com eles, e esse hoje D Walmor, o presidente da direção da esquerdista CNBB, apoiadora ostensiva do despejado carrasco PT, de viés trotsky-stalinista.

  3. Era precisamente a esse evento que me referia no outro dia, elogiando os Católicos Brasileiros… BEM HAJAM!
    E ainda há Padres, que desvalorizam a “Devoção dos Cinco Primeiros Sábados!”
    Intensifiquemos essa Devoção e Reparemos Nossa Senhora, já que muitos dos Seus filhos predilectos (Sacerdotes) não o fazem nem se manifestam, perante semelhantes Blasfémias!!

    Será que, vendo isto, acordam, e acreditam na Mensagem de Fátima?!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s