Ainda os tais 30′ de conversa com o ativista gay James Martin SJ

Enquanto outros prelados católicos morrem à espera de ser recebidos, o famoso homossexualista jesuíta teve direito a 30 generosos minutos para esclarecer todos os seus dubia a respeito da aprovação das práticas homossexuais na Igreja Católica.

james martin.jpg

O Papa Francisco recebeu James Martin, SJ, numa audiência privada de 30 minutos na biblioteca papal do Palácio Apostólico do Vaticano nesta manhã, 30 de setembro, no que é visto aqui como uma declaração pública de apoio e encorajamento altamente significativa para este jesuíta dos EUA. O padre Martin é conhecido como orador público, autor e pelo seu ministério pastoral ao povo LGBT .

In América Magazine [revista jesuíta], 30/09/2019 – tradução livre.

Este acontecimento é significativo demais para ser desvalorizado.

Basto 10/2019

14 thoughts on “Ainda os tais 30′ de conversa com o ativista gay James Martin SJ

  1. Maria Ribeiro 30 de Outubro de 2019 / 23:33

    Na verdade essa conversa com o activista Gay, ficou ofuscada pelos acontecimentos inerentes ao Sínodo.
    Tem razão, Basto, quando refere que “Este acontecimento é significativo demais para ser desvalorizado.”
    O próprio Papa permitiu que o facto fosse fotografado e publicado. O Pe. James Martin revela nas redes sociais a grande “preocupação do Papa com as pessoas LGBT”.
    É ou não, um esforço para que se aceite, na Igreja a abominação dos actos homossexuais?!
    Haverá quem duvide?! De onde vem essa intensificação de forças?!
    No mínimo, é uma instrumentalização da igreja, nessa direcção, penso.

      • Maria Ribeiro 31 de Outubro de 2019 / 13:01

        É bem provável que tenha razão!
        Pelo que vi, a notícia foi, relativamente propagada, na ocasião, pelos media mais “progressistas” que concordam com o “acolhimento” e “misericórdia” pelos sodomitas. Os mais “conservadores” e “tradicionalistas” não deram grande apoio à informação. Não sei se, por falta de tempo, por distracção ou por qualquer outra razão.
        O mais curioso é que as pessoas pouco instruídas já comentam, por aí, há tempos que o “Papa Francisco é tão bonzinho que até aceita os pedófilos”. Talvez as pessoas confundam pedofilia com homossexualidade. E não consigam discernir que, entre os homossexuais existem os grupos LGBTs, com ideologia de género, numa amálgama disforme. A confusão é grave.

        • Basto 31 de Outubro de 2019 / 13:41

          Nesta nova igreja de Francisco, o que é que falta aprovar, o canibalismo? Já faltou mais. Se calhar, em certos casos e conforme discernir a consciência do canibal…

  2. maria martins 31 de Outubro de 2019 / 19:28

    Não é uma pratica aceite, em certas tribos da Amazónia? Acho que já ouvi falar…
    Pelos vistos não está assim tão longe!

  3. Basto 1 de Novembro de 2019 / 14:27

    O assessor homossexualista do Papa Francisco defende que não deve ser negada a Sagrada Comunhão a políticos pró-aborto.

  4. maria martins 1 de Novembro de 2019 / 18:40

    Sempre que me esforço para “compreender” o Papa Francisco e me desiludo, recordo o comentário de alguém, deste Blog, que um dia disse:…”isto é como uma família que quer AMAR o pai, mas ele está sempre bêbado, fazendo besteira!…” Foi, realmente, o melhor comentário que encaixa aqui!
    Tenho ocasiões que já nem consigo rezar por ele, tal são as “baboseiras” que proclama e não entendo, com quem e onde, aprendeu a DOUTRINA!
    Um Papa que ensina uma doutrina oposta à de Jesus Cristo?! Que mais precisamos para perceber o que pretende? Todos SABEMOS que o que ele diz é VERDADE, mas na condição de antes recebermos o Sacramento da Reconciliação, com O DEVIDO ARREPENDIMENTO EXIGIDO e o PROPÓSITO FIRME DE EMENDA, mesmo que, depois, possamos voltar a cair por fragilidade humana, até conseguirmos vencer definitivamente!
    Receber o Corpo de Cristo em pecado mortal é um SACRILÉGIO e produz um efeito contrário, como Jesus refere em relação a Judas, quando afirma que Satanás entrou nele, na Última Ceia, porque recebeu a EUCARISTIA e não estava purificado; assim, ele ficou possuído por Satanás.
    Numa das Passagens em — O Evangelho como me foi revelado– depois da Ressurreição, São João perguntou a Jesus, porque não conseguiu Converter Judas. Jesus respondeu, que Judas era um viciado nos sete pecados Capitais e, a partir de certa altura, a luta que travava com a sua Consciência já não era ele, Judas, que a dominava.
    Foi então que Jesus exclamou : “A Minha luta já não era com o homem, Judas, mas com Satanás!” E depois remata: “É esse o perigo de se deixarem dominar por ele (Satanás).”
    Noutra Passagem, Jesus adverte, para que os Sacerdotes da Nova Igreja sejam pacientes, misericordiosos, amorosos, para com os pecadores mais tímidos, durante o Sacramento da Reconciliação; mas implacáveis, com os impenitentes, referindo:.. “Eu era justo, mas não um FRACO!”
    Diz ainda: ” Julgai cada pecador com uma prudente reflexão e sem ameaças, com imparcialidade, sem deixar-vos corromper por simpatias, em tudo e em todos, como Deus, tendo presente as fraquezas humanas e as insídias dos seus inimigos.
    Deus permite, muitas vezes, a queda de um Eleito, não porque Lhe agrade, mas para que, disso, tire um bem maior. Estendei a mão a quem cai, porque não sabeis se será a crise final de um mal que vai desaparecer para sempre (Conversão), redundando em Santidade, mas sede SEVEROS para com aqueles que NÃO TIVEREM RESPEITO PARA COM O MEU SANGUE e, com a alma que acabou de ser limpa pelo BANHO DIVINO, vão jogar-se de novo, na lama, uma ou cem vezes mais. Não os amaldiçoeis, mas SEDE SEVEROS; exortai-os setenta vezes sete, e se for preciso, recorrei ao CASTIGO EXTREMO DE SEPARÁ-LOS DO POVO ELEITO, para não vos tornardes CÚMPLICES DE SUAS ACÇÕES!”…

    Por tudo isto, é triste ter que reconhecer, que a toda a tolerância e misericórdia do nosso Papa Francisco é REPROVÁVEL por ser, na verdade, o OPOSTO DE TODA A EXIGÊNCIA DE JESUS CRISTO!!
    Ele NUNCA apela à Conversão!!

  5. Maria Ribeiro 2 de Novembro de 2019 / 12:59

    Ontem dei uma passagem por alguns comentários e vi, com espanto a “confusão diabólica” que este “pastor” espalha, na media social.

    A julgar pelas respostas insultuosas, dirigidas aos comentários dos católicos que não concordam com este tipo de abordagem, estes, são vistos como “orgulhosos que pretendem decidir quem está em pecado mortal”. Como tentam intimidar-nos, quando nos apelidam de fariseus!

    As pessoas mais sensatas, apenas tentam elucidar aqueles que, de uma forma obstinada preferem permanecer em pecado grave, (como alguém que publicamente apoia o aborto e tem poder de elaborar a Lei), à partida já interromperam, deliberadamente a sua Comunhão com Jesus.

    Mas as palavras falaciosas deste Sacerdote atingem o ridículo, pelas comparações absurdas, como, por exemplo o aborto e a pena de morte. Como se a vida de um ser indefeso se comparasse à de um criminoso (não estou a defender a pena de morte).
    Além disso os abortos são aos milhões, sem defesa, nem julgamento, nem apelação. Em seguida vai buscar a “Laudato Si” que foi o principal fundamento legal para o “Sínodo da Pachamamma”, ou seja o “pecado ecológico”. Alguém dizia: “para quê defender a fertilidade se se matam tantas crianças na seio das mães”?

    Depois já só faltava, para completar a aberração dos argumentos, citar o Papa Francisco, quando refere que “a Comunhão é um remédio”…A Comunhão é, com efeito um remédio, quando arrependidos, contritos e CONFESSADOS, nos aproximamos da Mesa Eucarística, de contrário, todos sabemos que é motivo de condenação. “Ah!, mas não sabemos se se confessou”. Não basta, quando o pecado é público…

    Um pastor Misericordioso é impelido, pelo seu Ministério, a expor, claramente este assunto. Ou então, saia das redes sociais e se cale, para sempre…

  6. maria martins 3 de Novembro de 2019 / 8:28

    Depois de ter lido a Obra, por mim constantemente citada —O Evangelho como me foi revelado– eu reconheço, o quanto o Sacramento da Reconciliação está banalizado.
    Segundo Jesus: …”a dignidade de um Cristão é tão grande, que vo-lo repito, é pouco inferior à de um Sacerdote. E onde vivem os Sacerdotes? No Templo (Judeus). Mas um Cristão é um Templo Vivo! Se os Sacerdotes do Templo servem a Deus com orações e sacrifícios, e tentam curar os pecadores, um Cristão servirá a Deus, com a oração, com o sacrifício e com a Caridade Fraterna.
    E vós (Apóstolos) ouvireis as confissões dos seus pecados, como Eu ouvi as vossas, e perdoei ao ver o vosso ARREPENDIMENTO.
    Estais agitados?Tendes medo de julgar? Lembrai-vos das sete condições para o fazer: quantas vezes pecou, quando, com quem, qual a matéria do pecado, qual a causa e o porquê. Não temais, porque o Espírito Santo vos ajudará! Mas para isso, recomendo-vos uma vida Santa. Ela aumentará de tal maneira, em vós, as LUZES Sobrenaturais, que chegareis a ler sem erro, o coração dos homens (tal como fazia o Padre Pio) e podereis com Amor e com Autoridade, ajudar os pecadores mais tímidos a confessar as suas culpas; mas a exortar com firmeza, os mais rebeldes e impenitentes. Não temais; o Espírito Santo vos ajudará, aumentando em vós as LUZES SOBRENATURAIS! Porém, PEÇO-VOS, para isso, UMA VIDA SANTA! Assim, chegareis a ler o erro no coração dos homens e como Eu, serdes JUSTOS, mas não FRACOS!! Tudo que ligardes na Terra será ligado no Céu, e tudo que desligardes na Terra será desligado no Céu…”

    Depois disto, fico com a sensação de que nunca me confessei bem! O que vale, é Deus perscruta os corações!
    Como tudo se banalizou, a começar pela Santidade dos Sacerdotes!…
    Mas agora, ainda é pior! Simplesmente, se dispensa o SACRAMENTO DA RECONCILIAÇÃO, porque ninguém tem pecados!
    E como ouvi, ontem, numa homilia: Deus Ama-nos tanto e de maneira tão gratuita (e isso é realmente verdade) que, independentemente das nossas escolhas, Ele nada nos EXIGE!
    Meia hora a insistir no Amor, na Aceitação, na Gratuidade Divina, mas sem nunca se fazer um apelo à CONVERSÃO!
    Nunca se falou de Conversão ou em Mudança de vida! Fiquei com a sensação de que CONVERSÃO pertence ao PASSADO, porque Deus ACEITA-NOS como somos sem NADA nos exigir!

    • Basto 4 de Novembro de 2019 / 15:33

      Quem inventou essa doutrina, Alex?

      • Alex 4 de Novembro de 2019 / 15:53

        Jesus Cristo não foi! Mas não ouso dizer mais do que isso, pois o clero no Brasil é muito hostil a críticas, ainda que justas.

  7. maria martins 4 de Novembro de 2019 / 18:40

    Meu Deus!! Quanta IGNORÂNCIA!!! Fala a mesma linguagem do Papa Francisco!!!
    Então, não aprendemos, SEMPRE, que Jesus PURIFICOU os Seus Apóstolos, durante os três anos de vida pública, privando diariamente com eles, ensinando-os, ajudando-os, perdoando-lhes as faltas, ensinando-lhes o CAMINHO?! Várias vezes Jesus refere isso, dizendo que eles já estavam purificados…
    E porque é que Judas não estava purificado e O traiu? Porque, segundo Jesus, levou, SEMPRE, uma vida de MENTIRA, VIDA DUPLA, VICIADA NOS SETE PECADOS CAPITAIS!
    Enquanto os amigos, Apóstolos, SEGUIAM o MESTRE e O IMITAVAM, ele fingia, traia e roubava, até, o dinheiro e os presentes que ofereciam a Jesus, para os pobres; ele tinha “um saco azul, além de ser invejoso e arrogante!”
    Por isso, chegou ao tal estado de POSSESSÃO que Jesus afirma ser o pior; aquele que, exteriormente, não dá nas vistas, porque é dissimulado, mas CONSCIENTE!
    E, assim, chegou ao ponto que chegou; ele NUNCA se Converteu! Ora, quando recebeu a EUCARISTIA, na Última Ceia, em pecado mortal, COMUNGOU SACRILEGAMENTE, recebendo a sua própria CONDENAÇÃO!
    Realmente, é caso para dizer: com estes pastores, DEFORMADORES DA SÃ DOUTRINA, no momento que mais precisamos de SANTIDADE E REPARAÇÃO, prega-se as blasfémias, os sacrilégios as profanações, a todos os níveis!!
    Do mal o menos; entre Comungar sacrilegamente e não aparecer na igreja, é bem melhor a segunda opção!!

    • Alex 4 de Novembro de 2019 / 20:56

      Excelente comentário, Maria Martins!

      Seu comentário refuta muito bem o pensamento distorcido desse padre!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s