Mel Gibson fala sobre o estado atual da Igreja, Viganò, Francisco e Pachamama

Num curto vídeo que circula nas redes sociais, o conhecido ator e realizador americano de cinema, assumidamente católico, mostra forte preocupação com o estado a que chegou a Igreja.

Mel Gibson foi o diretor de produção cinematográfica de “A Paixão de Cristo” (2004). Em 2005, deslocou-se discretamente a Portugal para proporcionar à Ir. Lúcia, vidente de Fátima, uma projeção privada do filme, no Carmelo de Coimbra.

A tradução e legendagem do vídeo acima é da responsabilidade de Helga Bezerra, administradora do popular canal católico Desde España, recentemente censurado e eliminado da plataforma Youtube.

Basto 09/2021

4 thoughts on “Mel Gibson fala sobre o estado atual da Igreja, Viganò, Francisco e Pachamama

  1. Mensagem bem densa para poucos minutos. Mel Gibson demonstra conhecer muito bem a situação da Igreja e resume bem os pontos mais críticos. De certa forma, a crise da Igreja é uma crise dos sacerdotes e dos bispos, tendo como pano de fundo o Concílio Vaticano II e mais recentemente a eleição de Francisco.

  2. FRANCISCO JAMAIS TERIA SIDO PAPA, DESDE O PRIMÓRDIOS!
    Comprovando acima a veracidade do que foi proferido por D Rene Henry Gracida, 96 anos, consta a visita de Mel Gibson, solidarizando-se com ele e pela invalidade também do V II em sua residência, por haver ele de ter dito na sua página que Francisco nunca haveria sido papa! Solidarizou-se também com D Viganò e missa de S Pio V e o “papa-TL-PCs-NOM-Maçonaria Leonardo Boff” confirmou-o num seu vídeo visto e revisto diversas vezes por mim: “Francisco é um dos nossos” – também retirado do YOUTUBE!
    Aliás, tão logo estourou verbalmente via falecido D Cardeal Godfried Danneels, por um lapso verbal ou propositadamente e, por escrito à hora da morte de ser um dos conspiradores, confirmando o pseudo conclave que seria pré estabelecido o vencedor e, ipso facto, antecipadamente excomungados, nesse ínterim, com a maquinação da idem traiçoeira Máfia de Sankt Gallen para forçosa destituição de Bento XVI – ele atrasaria a instituição da Nova (Des)Ordem Mundial – e a entrada do notório por sincrestismo, à época, quando Cardeal Bergoglio, Francisco frequentava sinagoga e acendia vela no candelabro judaico e, por certo, agradou os globalistas, doravante então duvidou da validade desse conluio pró NOM para impor a renúncia a ao papa Bento XVI, desde 2014 quando se manifestou publicamente a trama!
    O golpe final foi desferido pelo bloqueio total do IOR via SWIFT, conglomerado mundial de 10.500 bancos influentes em 215 países, os quais são comandados dos EUA e controlam-nos nessas nações.
    Recentemente, ajuntaram-se a D Gracida D Jan Pavel Lenga, arcebispo emérito do Casaquistão e outro, por ora, cujo nome não me recordo.
    Até prelados da Igreja Ortodoxa acusam-no por carta, estranhamente, assunto redigido até num site sabidamente esquerdista, herético, TeeLista, abaixo:
    http://www.ihu.unisinos.br/170-noticias/noticias-2014/530414-papa-e-acusado-de-heresia-por-dois-bispos-ortodoxos
    *”Intitulada “Proclamando as verdades da fé em um tempo de crise”, a fala de Burke se centrou na revisão de uma recente “declaração” de 40 pontos assinada por ele e por outros quatro prelados – um cardeal aposentado da Letônia (Janis Pujats) e três bispos do Cazaquistão (o bispo auxiliar Athanasius Schneider, o arcebispo[titular] Tomash Peta e o arcebispo emérito Jan Pawel Lenga).
    *”http://www.ihu.unisinos.br/170-noticias/noticias-2014/530414-papa-e-acusado-de-heresia-por-dois-bispos-ortodoxo
    Evidente que a crise na Igreja acirrou-se desde o fracassado Sínodo-oco da Amazônia” – o qual Francisco e as esquerdas engoliram-no a seco – no qual, se prevalecesse a ideologia das máfias externa e da eclesiástica – essa a mais ousada e petulante – o “Vaticano” daria uma força inconteste à NOM! No entanto, as redes conservadoras derrubaram-no; contudo, não os desafetos de Jesus e de sua Igreja católica Tradicional de 2000 anos prepotentes, os quais jamais desistem de tentar implodi-la, como o diabo, até à hora da morte de cada católico de fé ou a quem desiste do pecado e inicia um processo de santificação, nos quao o diabo e suas hordas nesses mais interessados!
    Não haveria dúvidas que a entronização da diaba índia Pachamamma teria sido o clímax de apostasia, que não se poderia duvidar que Francisco seria um impostor sob os relatos de D Gracida, D Pavel e talvez doutros diversos conservadores idem desconhecidos, desde leigos muito bem formados na fé e informados de sua duvidosa trajetória dos da Alta Hierarquia repelentes a suas imposturas, os quais pareceria Francisco detestar, sem se esquecer dos apoios a muçulmanos!
    Aliás, foi intitulado pelo grande imã Ahmed Al Tayyeb da mesquita de El Azhar no Egito de protetor mundial dos sunitas, apoios incontestes a ditadores sanguinários comunistas, como a Maduro, Lula-Dilma, esses também pró aborto e perversores infanto-juvenis, os verdugos Fidel Castro, Li Xi Ping-PCC chinês e a outros similares sanguinários endiabrados com os quais Francisco sintoniza-se!
    Todos os vídeos comprometedores de Francisco, como aquele após uma celebração permitindo um casal dançar um tango no presbitério na Catedral de Buenos Aires – ele por detrás do altar assistindo à apresentação – e de missas-shows com Pinochio e dancinhas infantis às celebrações e ele, como animador, foram retirados do YOUTUBE!
    Quanto mais mantiverem o povo alienado, relativizado ou muito superficialmente informado – tanto melhor!
    Por fim, meu Imaculado Coração triunfará!

  3. Errata à procura do original: *”Intitulada “Proclamando as verdades da fé em um tempo de crise”, a fala de Burke se centrou na revisão de uma recente “declaração” de 40 pontos assinada por ele e por outros quatro prelados – um cardeal aposentado da Letônia (Janis Pujats) e três bispos do Cazaquistão (o bispo auxiliar Athanasius Schneider, o arcebispo[titular] Tomash Peta e o arcebispo emérito Jan Pawel Lenga”. http://www.ihu.unisinos.br/78-noticias/591127-cardeal-burke-aponta-erros-generalizados-no-ensino-da-igreja-contemporaneo

  4. Depois destas declarações, Mel Gibson acaba de cavar a sua sepultura, definitivamente…
    Se, com o filme “A Paixão de Cristo”, foi considerando antissemita, ao ponto de lhe arruinarem a Carreira em Hollywood, hoje, falando como fala, sobre a hierarquia Católica…e o que não deixa de ter razão, já pouco mais lhe resta!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s