Um interessante rumor sobre a conversão da Rússia

Em Maio de 1946, uma rapariga russa (Natacha Derfelden) no exílio em Paris, foi ao Congresso Mariano Internacional em Fátima e levou o solo russo para Santuário. Trinta e cinco mil delegados juvenis de todos os cinco continentes juntaram-se a ela num ato de consagração da Rússia ao Imaculado Coração [de Maria]. Há rumores de que Natacha foi informada pela Irmã Lúcia (a vidente de Fátima) que a conversão da Rússia seria completada através da Igreja Ortodoxa e do Rito Oriental.

Haffert, John M. (1956), Russia will be converted, p. 204 (tradução livre).

Basto 01/2022

8 thoughts on “Um interessante rumor sobre a conversão da Rússia

  1. Luis Roberto 23 de Janeiro de 2022 / 16:36

    Salve Maria.
    Isso é absurdo pelo simples fato que Nossa Senhora deixou claro que a consagração da Russia tem de ser feita pelo papa em união com todos os bispos do mundo. Ou seja ,pela hierarquia e não por leigos e muito menos por cismaticos “ortodoxos” que rejeitam a autoridade papal em Roma. O fim primario da conversão da Russia é justamente trazer de volta ao seio da igreja os ortodoxos.

    • Basto 23 de Janeiro de 2022 / 22:43

      A não ser que estivesse a referir-se aos “ortodoxos” católicos, que são os católicos de rito oriental, os quais se assumem como ortodoxos, apesar de estarem em plena comunhão com o Papa e o resto da Igreja Católica…

  2. Alex 24 de Janeiro de 2022 / 22:05

    Caro Basto, obrigado por partilhar conosco esse fato relativo à mensagem de Fátima, melhor dizendo, ao pedido de Consagração da Rússia feito por Nossa Senhora de Fátima.

    A propósito, muito louvável o gesto de piedade da moça russa Natacha Derfelden. Porém, concordo com o irmão em Cristo de que a consagração para ser válida deve ser feita pela hierarquia. Acrescentando-se que a consagração deve ser nominal, isto é, mencionar explicitamente o nome da Rússia.

    O Papa João Paulo II tentou fazer isso, mencionando implicitamente a Rússia, porém por pressões políticas não ousou mencionar o nome da Rússia. De qualquer forma, ao menos parcialmente, as suas orações foram atendidas, pois o Muro de Berlim caiu e, com ele, se desmantelou a Cortina de Ferro nos países do Leste europeu. Porém, hoje com as tensões na Ucrânia, vemos que a conversão da Rússia não foi completa, pois Putin deseja recriar seu domínio no Leste Europeu.

    Mas concordo que o fim do cisma ortodoxo seria um sinal de que a Consagração da Rússia foi aceita, o que ainda não aconteceu.

    • Basto 25 de Janeiro de 2022 / 10:59

      Esta informação que eu aqui coloquei, vaga e curta, não passa de um mero rumor, mas que me parece bastante interessante no âmbito do contexto da realização das profecias de Fátima. Mas, honestamente, não percebo onde está a divergência suscitada… Tanto quanto entendo do texto, este rumor em nada contradiz que a consagração deve ser feita pelo Papa em união com todos os bispos do mundo ou que deve nomear-se especificamente a Rússia. Não entendo a divergência de entendimento nesta matéria.

      A única coisa que eu vejo neste texto e me desperta interesse é o facto de esta conversão, alegadamente, envolver especificamente a ortodoxia e a tradição oriental. Isto, para mim, tem valor, no sentido em que exclui uma conversão “light” muitas vezes confundida com a abertura da Rússia à economia de mercado ou o triunfo do “neodespotismo esclarecido” de Vladimir Putin, mantendo-se todos os erros da cismática e herética Igreja Ortodoxa Russa.

      • Alex 26 de Janeiro de 2022 / 21:43

        Acho que me equivoquei. Peço desculpas. 😔

        • Basto 26 de Janeiro de 2022 / 22:57

          Não tem nada que pedir desculpas, Alex, porque não ofendeu ninguém, e não se sinta obrigado a concordar comigo porque eu não sou ninguém. As minhas opiniões valem tanto como a sua.

      • Alex 26 de Janeiro de 2022 / 23:10

        Obrigado por sua compreensão, Basto! 🙂

  3. Maria Ribeiro 25 de Janeiro de 2022 / 19:46

    Aliás um “rumor” interessantíssimo cheio de detalhes expressivos e muito reveladores. Também não estou a conseguir entender as “divergências suscitadas”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s