Palavras de um narcisista assassino depois de uma humilhação na Ucrânia: não é “bluff”!

Mas como é que alguém ainda pode achar que isto é “bluff”? Vladimir Putin é um falso cristão que já mostrou claramente que não tem moral nem escrúpulos, um covarde diabólico que manda atacar populações indefesas, incluindo crianças.

20 thoughts on “Palavras de um narcisista assassino depois de uma humilhação na Ucrânia: não é “bluff”!

  1. Maria Ribeiro 22 de Setembro de 2022 / 14:50

    Coitado do povo russo! É o preço de confiarem durante tanto tempo num Ditador. Agora estão a braços com um esforço de guerra que não tem prazo para terminar. Aliás estamos todos a sofrer as consequências dessa insanidade. Que situação!!

  2. Maria Ribeiro 23 de Setembro de 2022 / 14:41

    E agora mais o embuste do referendo, por um lado…
    Por outro, assistimos a uma população a desertar porque não quer participar nesta guerra que não é sua, mas apenas do capricho do Putin…
    Arrisco-me a dar uma sugestão aos fãs que aproveitem e se ofereçam a ir lá lutar pela causa do seu ídolo.

    • Basto 23 de Setembro de 2022 / 14:56

      Ele próprio, tão mau e “durão”, podia mostrar verdadeira coragem e dedicação à sua falsa causa, indo lutar na frente de batalha, mas não passa de um covarde. É muito forte mas apenas atrás de uma câmara de filmar. Tirar fotografias em tronco nu em cima de um cavalo ou enviar miúdos para a guerra é muito fácil. Porque não vai ele mostrar a sua fibra no Donbass? Um verdadeiro palhaço.

      • Maria Ribeiro 23 de Setembro de 2022 / 18:25

        Ele? na frente da batalha? No fundo é um medricas que coloca uma mesa de 3 metros ao receber alguém, ou então leva o cão como fez com a Merkel. O Basto disse bem, covarde, um falso…sei lá…um ladrão, mas “Narcisista assassino” é o atributo mais adequado, eu acho. Homem perigoso.

  3. Maria Ribeiro 25 de Setembro de 2022 / 11:27

    É triste e doloroso para muitas famílias. Mas será que ele se apercebe que procedendo desta forma coloca o povo contra ele?

  4. Maria Ribeiro 25 de Setembro de 2022 / 22:29

    Muito interessante e curioso.

  5. Miguel 26 de Setembro de 2022 / 16:59

    A besta esta no ocidente, acordem. Deixei de seguir a narrativa da mídia, como foi com o veneno do Anticristo com o nome vacina Covid.

    • Basto 26 de Setembro de 2022 / 17:29

      O ocidente tem muitas bestas, infelizmente, conheço bastantes… Obrigado pela sua preocupação, Miguel, mas, com o devido respeito, perde aqui o seu tempo. Ninguém aqui está feliz com o estado de apostasia e imbecilidade a que chegou o Ocidente, pelo contrário, mas mal de nós se o remédio fosse o putinismo… Deus nos livre! Mal por mal, deixem-nos conforme estamos. Guarde o seu falso ídolo para si, mas obrigado na mesma pela sua preocupação.

    • Basto 26 de Setembro de 2022 / 20:04

      Depois de lhe ter respondido, Miguel, fui trabalhar no quintal e não deixava de pensar na sua mensagem… Sinceramente, nem sei para que me dou ao trabalho de responder a comentários como seu.

      Então o Miguel abandonou a “narrativa da mídia” e passou a orientar-se por que narrativa? A narrativa da ficção? A narrativa da máquina de propaganda putinista? A narrativa dos media não é necessariamente má, embora seja necessário confrontar diversas fontes antes de formar uma opinião, incluindo fontes fora dos media convencionais, para não se cair no puro disparate como parece ser o seu caso (digo “parece” porque não tenho mais dados sobre si do que um mero comentário sem sentido que aqui deixou). Mas vejamos então:

      1) O Miguel refere “o veneno do Antricristo com o nome de vacina Covid”. Esse “veneno” foi promovido tanto pelos países ocidentais como pela Rússia putinista, que até criou também o seu próprio “veneno” (https://sputnikvaccine.com/prt/about-vaccine). Haverá assim tantos anticristos antivíricos no mundo, desde o Ocidente ao Oriente? Por que razão prefere então um anticristo russo em alternativa a um anticristo ocidental? Isto, falando de escatologia farmacêutica…

      2) O vírus SARS-CoV-2, que serviu de justificação – na sua opinião, presumo – para a administrar à população injeções com o tal soro “anticrístico”, chegou ao Ocidente vindo da China, ou seja, do aliado comunista do assassino Putin, que o Miguel tanto admira. Sendo portanto a China um país governado por um regime anticristão, que apoia tacitamente a Rússia putinista, como irá ajudar Putin na luta contra o anticristo ocidental e as suas vacinas anticovid?

      Caro Miguel, não me leve a mal, mas não diga disparates.

      • Maria Ribeiro 26 de Setembro de 2022 / 23:58

        Num profundo desânimo diante do globalismo muita gente recorre ao Putin para “salvar o ocidente”. O que faz o desespero?!
        Agora, que “há muitas bestas” isso há, incluindo o Putin.

  6. Basto 4 de Outubro de 2022 / 11:11

    O outro doido, aliado de Putin, lança míssil que atravessa o Japão:

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s