Espanha: popularidade papal está nas nuvens

Apesar dos assinaláveis vazios humanos testemunhados sucessivamente em Roma nos tempos atuais, os níveis de popularidade papal continuam a impressionar pelo mundo fora. Exemplo disso são os resultados de um recente estudo de opinião efetuado pela NC Report para a revista Vida Nueva, segundo o qual, 9 em cada 10 espanhóis vê em Francisco um Papa “inteligente”, “próximo” e “valente”.

vida.neuva.digital
in Vida Nueva,  09/03/2018

Entre outras conclusões apresentadas, destaca-se o seu elevado índice de aprovação papal não só entre católicos mas também entre ateus e crentes de outras religiões.

A publicação católica conclui ainda, dando aliás grande ênfase a este facto que faz o título do seu artigo, que a grande maioria dos espanhóis “iria para os copos com o Santo Padre”.

Basto 3/2018

Portugal: o país que mais gosta do Papa Francisco.

De acordo com uma sondagem levada a cabo pela WIN/Gallup, uma organização especializada em estudos de mercado, Portugal aparece como o país, a nível mundial, onde o Papa Francisco é mais popular, somando um total de 94% de opiniões favoráveis e apenas 2% desfavoráveis; 4% não sabem ou não respondem. Este estudo de opinião, concluído no final do mês de março, utilizou uma amostra de mais de 63 milhares de inquiridos, distribuídos por 64 países.

Outras conclusões:

  • O Papa tem uma imagem positiva a nível mundial, reconhecida por muitas pessoas de crenças religiosas não católicas;
  • 54% da população mundial tem uma opinião positiva do Papa Francisco, 12% tem uma opinião negativa e 34% não tem opinião formada.
  • A sua popularidade ultrapassa a de outros líderes mundiais como Obama ou Merkel.
  • A Argélia é o país onde o Papa regista mais opiniões desfavoráveis, seguido-se a Palestina e a Turquia, respetivamente.
  • A Espanha regista 80% de opiniões favoráveis e 9% desfavoráveis, 11% não sabem ou não respondem, surgindo em 7º lugar.
  • O Brasil regista 73% de opiniões favoráveis e 13% desfavoráveis, 14% não sabem ou não respondem, aparecendo em 15º lugar.
  • Portugal e Brasil foram os únicos países da CPLP contemplados neste estudo.

 

Se este estudo estiver certo, podemos dizer que o Santo Padre tem o mundo com ele, e em especial os portugueses.

Basto 4/2016