Sua Eminência D. Tucho promovido a titular da segunda diocese mais importante da Argentina

tucho2.jpg

O Papa Francisco promoveu o seu “teólogo pessoal”, Mons. Víctor Manuel Fenández, a titular da Arquidiocese de La Plata. Fernández é considerado o “escritor fantasma” da controversa exortação apostólica Amoris Laetitia, sendo também autor de um livro erótico intitulado “Cura-me com a tua boca: a arte de beijar”.

De acordo com a imprensa, “Tucho” (como é normalmente conhecido) estaria a contar com esta nomeação, uma vez que fora substituído, em abril, no cargo de reitor da Universidade Católica Argentina, posição para a qual havia sido proposto à época pelo Cardeal Bergoglio.

Basto 6/2018

Agora em inglês, “Cura-me com a tua boca”, do arcebispo D. “Tucho”

d.tucho

O mais famoso livro do arcebispo de Tiburnia (Argentina) está agora disponível online em inglês na plataforma Medium.

Dada a função de destaque desempenhada no chamado Sínodo da Família e após ter ganhado fama de “escritor fantasma” da exortação apostólica pós-sinodal Amoris Laetitia, é natural que aumente o interesse geral pela obra do reitor da Pontifícia Universidade Católica Argentina.

the.art.of.kissing
Livro: “CURA-ME COM A TUA BOCA: A ARTE DE BEIJAR” do teólogo e arcebispo D. Víctor Manuel Fernández in Medium, 04/09/2017

“Um verdadeiro beijo mostra que o outro é sagrado para mim. Mas quando o sexo está fora de controlo, e queremos mais – mais prazer, mais intensidade – o outro é transformado numa esponja que queremos espremer totalmente, até a última gota.”

[…]

“Como foi Deus tão cruel
para te dar essa boca …
Não há quem me resista,
xxxx, esconde-a.”

(Mons. Víctor Manuel Fernández in Medium, 04/09/2017 – tradução livre)

Não é um livro muito recomendável para pessoas sensíveis, dada a natureza do seu conteúdo, todavia convém relembrar que o próprio arcebispo já assegurou que “não foi escrito tanto pela” sua “própria experiência mas antes a partir da vida das pessoas que se beijam”. Ainda assim, como pode alguém que escreve um livro destes ter qualquer influência na redação de uma exortação papal?

dimensão erótica.jpg
in Agência Ecclesia, 08/04/2016

Não sabemos de facto se a sua influência na Amoris Laetitia foi tão grande quanto se diz, não obstante, foi ele quem, até agora, melhor explicou aquilo que o Papa Francisco pretende que seja compreendido.

Basto 9/2017