Macabro show de luzes na fachada da Igreja de Santa Maria sopra Minerva

 

O macabro espetáculo foi apresentado ao longo de várias noites, no final do último mês de outubro, na fachada principal da Igreja de Santa Maria sopra Minerva, na Praça de Minerva, em Roma. Esta é a igreja onde se localiza o túmulo de Santa Catarina de Siena.

Mais informação no blogue de Edward Pentin, no National Catholic Register.

Pós-texto:

(23/11/2018) Esta igreja foi atribuída ao novo cardeal português D. António Marto, bispo de Leiria-Fátima.

Basto 11/2018

Santo Padre retoma as audiências gerais com uma palavra forte: contaminação!

Talvez não seja tão forte quanto a “história do fracasso de Deus” ou o Cristo “que se fez diabo“, mas ainda assim, e como o próprio Papa avisou, é “uma palavra um pouco forte” para caracterizar a vida da Igreja.

E nessa mesma linha catequética, o Santo Padre exorta-nos a recordar a data em que cada um de nós foi “contaminado” pelo Batismo.

A tarefa de hoje é aprender a recordar a data do Batismo, que é a data do renascimento, é a data da luz, é a data em que – se eu me puder permitir usar a palavra – a data em que fomos contaminados pela luz de Cristo.

(Papa Francisco I in Audiência Geral de 02/08/2017 – tradução)

O Santo Padre tem razão, “contaminação” e “contaminados” são palavras “fortes”; “um pouco” é favor…

Contaminação: substantivo feminino 1. Acto de contaminar; 2. Mancha, impureza; 3. Infecção.

Contaminar: verbo transitivo 1. Sujar, manchar (o que é puro ou respeitável) por contacto vil ou pestilento; 2. Alterar para um estado ética ou moralmente negativo (=CORROMPER, PERVERTER); 3. Infeccionar; 4. Comunicar alguma doença, mal ou vício.

(in Dicionário Priberam, 03/08/2017)

O vídeo completo da Audiência Geral dobrado para português pela Redação Brasileira do Vaticano pode ser visto aqui.

Basto 8/2017