O filme de animação de Fátima encontrou um apoio de peso

O “hiperativo” Presidente da República Portuguesa apoia institucionalmente o filme de animação “Fátima e o Tesouro Secreto”, um trabalho baseado nos acontecimentos de 1917 e realizado com o aval formal do Santuário de Fátima e do Vaticano.

Na sua “declaração de apoio e incentivo”, Marcelo Rebelo de Sousa elogia as qualidades – não religiosas? – da obra cinematográfica.

Se o argumento do filme acabar por ser um mero apelo genérico ao “amor, fraternidade e solidariedade universal”, até poderá promover algum tipo de “cultura”, mas jamais representará a mensagem de Fátima, que é profundamente religiosa e catequética.

Passámos de um presidente que não falava de quase nada para outro que fala de quase tudo…

Basto 3/2017