Papa Francisco: Adoro a Deus ou adoro a formulações dogmáticas?

Numa atitude inédita em toda história do cristianismo, o Santo Padre propõe uma cisão na Verdade Absoluta, separando Deus dos dogmas de fé, quando pede que escolhamos entre Deus e as verdades dogmáticas por Ele mesmo reveladas. As formulações dogmáticas reveladas por Deus são, de acordo com Francisco, ideologias que nos tornam raivosos…

Basto 10/2019

São Paulo censurado em Dublin, na Missa do Encontro Mundial das Famílias 2018

Como reparou a Infovaticana, na missa do passado domingo, presidida pelo Santo Padre em Dublin, uma parte da 2ª Leitura, proferida em espanhol, ficou por ler.

Para o 21º Domingo do Tempo Comum – Ano B, a Igreja recomenda uma leitura da Epístola de São Paulo aos Efésios (Ef 5, 21-32). No entanto, ao contrário do que aconteceu nas celebrações litúrgicas das nossas paróquias, na missa de domingo do Encontro Mundial de Famílias 2018, foi cuidadosamente omitida a parte da Sagrada Escritura em que o apóstolo aconselha a mulheres a serem submissas aos seus maridos.

LEITURA II – Ef 5,21-32

Leitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos Efésios

Irmãos:
Sede submissos uns aos outros no temor de Cristo.
As mulheres submetam-se aos maridos como ao Senhor,
porque o marido é a cabeça da mulher,
como Cristo é a cabeça da Igreja, seu Corpo,
do qual é o Salvador.
Ora, como a Igreja se submete a Cristo,
assim também as mulheres
se devem submeter em tudo aos maridos.
Maridos, amai as vossas mulheres,
como Cristo amou a Igreja e Se entregou por ela.
Ele quis santificá-la,
purificando-a no batismo da água pela palavra da vida,
para a apresentar a Si mesmo como Igreja cheia de glória,
sem mancha nem ruga, nem coisa alguma semelhante,
mas santa e imaculada.
Assim devem os maridos amar as suas mulheres,
como os seus corpos.
Quem ama a sua mulher ama-se a si mesmo.
Ninguém, de facto, odiou jamais o seu corpo,
antes o alimenta e lhe presta cuidados,
como Cristo à Igreja;
porque nós somos membros do seu Corpo.
Por isso, o homem deixará pai e mãe,
para se unir à sua mulher,
e serão dois numa só carne.
É grande este mistério,
digo-o em relação a Cristo e à Igreja.

(In Dehonianos, 16/08/2018 – o rasurado corresponde ao que foi omitido)

Basto 8/2018