Ainda a JMJ do Panamá: hino oficial interpretado pelo Pe. Jason Gouveia

O Pe. Jason Gouveia, o precursor da nova pastoral Brassika, também gravou uma versão do hino oficial da Jornada Mundial da Juventude 2019. Trata-se de uma interpretação em ritmo raeggaton, produzida com o apoio do Dj Roony Moura, para fazer abanar o capacete em qualquer discoteca mais ou menos católica.

O clero português quer mostrar que está preparado para receber a JMJ de 2022.

Basto 03/2019

Cantou “como uma virgem” na Polónia

A freira Cristina Scuccia canta “como uma virgem, tocada pela primeira vez” no festival promovido pelos Missionários Oblatos de Maria Imaculada, em Wroclaw, integrado nas celebrações mundiais da juventude na Polónia. Foi um ato de satanismo puro e descarado!

Foi um evento todo ele cheio de “misericórdia” e espiritualidade neopastoral, conforme as imagens demonstram. Milhares de jovens de todo o mundo unidos em profunda “oração”.

Em Cracóvia, epicentro da Jornada Mundial da Juventude, a espiritualidade foi semelhante, contando também com os momentos de “catequese” da Ir. Succia.

É difícil dizer se a freira está mesmo possessa, mas seria interessante ouvir a opinião do Pe. Grabriele Amorth, que sempre entende mais destas coisas do que nós.

Os nossos irmãos do outro lado do Atlântico que se preparem porque ela já domina a língua de Camões e está à espera de uma oportunidade para partir em missão para o Brasil.

Ao que isto chegou!

 

Basto 8/2016