Sacerdotes detidos em Miami pela prática de sexo gay na via pública

gay.priests.miami.jpg

Dois padres da Arquidiocese de Chicago foram detidos pela polícia devido à prática de sexo gay dentro de um automóvel estacionado numa zona pública e bastante frequentada da cidade de Miami, na Flórida, EUA. Os sacerdotes em questão são o Pe. Diego Berrio, de 39 anos, e o Pe. Edwin Giraldo-Cortez, de 30. O primeiro é diretor espiritual de um grupo de jovens denominado Iskali.

O administrador apostólico da Arquidiocese de Chicago é o arcebispo D. Blase Cupich, recentemente nomeado cardeal pelo Papa Francisco e citado há dias na carta de D. Carlo Maria Viganò.

Basto 9/2018