Casais divorciados já comungam em Fátima

Bispo de Fátima mostra como não é difícil chegar a cardeal na nova Igreja de Francisco. Basta promover ativamente a pratica de Amoris Laetitia*.

Jesus disse: «Quem se divorciar da sua mulher e casar com outra, comete adultério contra a primeira. E se a mulher se divorciar do seu marido e casar com outro, comete adultério.» (Mc 10, 11-12)

Pois, Jesus disse mas eles querem lá saber… E logo na diocese de Fátima!

Leiria-Fátima
In edição impressa do Correio da Manhã do dia 04/02/2029 (recorte obtido nas redes sociais).

Esta nova misericórdia inventada pelo Papa Francisco, para além de oposta à infalível doutrina da Igreja, parece demasiado fácil. Não implica arrependimento ou contrição, pelo contrário, confirma as pessoas no pecado como se este fosse uma virtude.

Estamos mesmo a viver os piores castigos anunciados em Fátima, em 1917. Que Deus nos ajude!

*A prática de Amoris Laetita, no sentido pretendido do conceito, é um sacrilégio que consiste em obter/dar absolvição sacramental e receber/dar a Sagrada Comunhão apesar da obstinação no adultério.

Basto 02/2020

9 thoughts on “Casais divorciados já comungam em Fátima

  1. Maria Ribeiro 8 de Fevereiro de 2020 / 0:37

    Mas porque é que fazem tanta questão em comungar?!

  2. carezia 8 de Fevereiro de 2020 / 8:18

    Pois é. Ele ouviu aquela profecia de Nossa Senhora, sobre a última batalha entre Jesus Cristo e o demônio, entendeu tudo ao contrário e correu se alistar nas fileiras do outro lado.

  3. Ieda Maria 8 de Fevereiro de 2020 / 9:49

    rumo ao inferno

  4. Ieda Maria 8 de Fevereiro de 2020 / 9:51

    Pobre Jacinta Marto! Um bispo tão apostata com o mesmo nome dela!

  5. maria martins 9 de Fevereiro de 2020 / 8:28

    Há tempos, li um comentário de alguém que dizia: Não culpem o Papa Francisco por tudo de mal que está a acontecer na Igreja. Ele não é o único culpado, porque aqueles que o seguem é porque sempre foram assim…Ninguém muda de um momento para o outro! (é como os que resolveram, só agora, construir a casa sobre a rocha, lembram-se?)
    Aliás, esse senhor, António Marto, já pertencia ao grupo dos MODERNISTAS, com estas ideias, antes da Alegria no Amor!
    Por acaso, vi a reportagem desse casal na CMTV e fiquei duplamente escandalizada! Ela era Catequista, Ministra da Eucaristia e com um percurso de vida, aparentemente, exemplar. Consciente da situação, mesmo recasada, continuava fiel à Palavra de Deus e ambos deixaram de Comungar. Só mudaram com a nova lei. É caso para dizer que, esta “nova igreja”, ainda consegue desviar… os mais conscientes!
    E começo a ter pena deles porque: “A quem muito foi dado, muito será exigido!”(Lc 12,48)
    E quanto à Mensagem de Fátima, esse senhor, António Marto, é dos recém convertidos, segundo ele, numa entrevista Não acredito que a leve a sério… É demasiado PRESUNÇOSO para acreditar Nela!
    Que Deus me perdoe, mas nunca gostei dele!

  6. Fernando Negro 25 de Fevereiro de 2020 / 23:55

    Isto é tudo tão ridículo, que não entendo como é que não há uma Revolta visível dos verdadeiros católicos, contra a liderança do Vaticano… Pois, em todos os movimentos políticos, sempre que há alterações de princípios ou orientações, ocorrem por norma cisões (cismas, em termos religiosos). Não há quem pense por si próprio?! E, quem queira impedir a erosão dos princípios católicos?

    De qualquer modo,

    Isto tudo são manifestações de maçons e illuminati infiltrados no Vaticano (os verdadeiros jesuítas, afinal, são inocentes nisto tudo). E, sendo as duas primeiras sociedades controlados pela facção liberal-financeira que está a perder poder político, é de esperar que no futuro próximo as coisas se comecem a inverter, assim que a facção política apelidada de Internacional Negro (https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1178667695878922240) vá ganhando mais poder.

    Os livros do Dan Brown podem conter argumentos mirabolantes. Mas, tenho-me dado conta recentemente de que, mais do que eu pensava, são inspirados em guerras internas verdadeiras que ocorrem no Vaticano…

  7. José Brito 30 de Junho de 2020 / 10:21

    Independentemente de tudo… sabemos de Quem é (e já foi) a vitória. Sim à serenidade e confiança em Deus; não a alarmismos e ao desânimo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s